Páginas

24/12/2017


Poema da Resistência

Se fosse fácil a sina,
Teria valido a pena? 
Te fariam mais forte
O acaso e a sorte?

Teria mais que migalhas
Se fosse branda a batalha, 
Sem pedras no caminho 
Ou coroa de espinhos? 

Teria triunfado 
Sem sangue derramado? 
Sem inimigos caídos, 
Teria vencido? 

Se a chaga lancina 
E a dor te alucina, 
Enfrente a tormenta: 
O que não mata, alimenta 

Descruze os braços 
Abrace o fardo 
Firme os pés 
E vá na fé

1 Comentário(s):

Déh Criss disse...

Ah, vou usar esse poema como lema de vida em 2018!

Postar um comentário